A dedicação à sua barba com os aparelhos descartáveis, baratos e sem procedência de qualidade são iguais a água e o óleo: não combinam. E isso inclui não apenas a qualidade da lâmina de barbear, do aparelho ou sabão, mas também é de suma importância escolher o melhor pincel de barbear.

No entanto, sabemos que esse assunto ainda é pouco divulgado no país. Há quem acredite que é tudo a mesma coisa, o que é uma grande inverdade. Fosse assim, pintores, músicos e outros artesãos usariam qualquer tipo de instrumento para realizar as suas atividades, e não as melhores marcas e produtos.

Por isso, convidamos você a seguir com a leitura deste post, e aprender tudo o que você precisa para fazer uma escolha assertiva sobre o melhor pincel de barbear. Confira, aqui!

Por que usar o melhor pincel de barba?

Primeiramente, pense conosco: em um mundo cada vez mais dinâmico e veloz, perdemos o prazer em realizar atividades que dizem muito sobre nós, quem somos e o que valorizamos.

Com isso, tem-se popularizado uma série de movimentos que resgatem esses valores passados. Quer um exemplo? Os destinos de viagens que pregam a desconexão com os aparelhos tecnológicos. E também os homens que não abrem mão do cuidado com a barba e, no processo, valorizam o barbear clássico.

Para isso, o creme de barbear foi reinventado, no mercado, unindo o tradicionalismo às tendências mais atuais para agregar ao produto mais qualidade, durabilidade e segurança ao seu barbear.

O mesmo vale para o melhor pincel de barbear. Instrumento fundamental para formar e espalhar a espuma elaborada com o creme, ele passou por uma série de adaptações, ao longo dos anos, e também equilibrou-se em uma pontual concepção de valorização do clássico com as demandas contemporâneas.

Com isso, entra a questão: qual melhor pincel de barbear?

Simples: sua utilização está diretamente associada a um barbear mais facilitado a partir do sabão para barbear espalhado sobre o rosto. Escolher o melhor pincel de barbear é necessário para a formação de espuma, com a quantidade de creme despejada sobre o bowl, e também pela aplicação contra a pele.

Sobre essa última atividade, vale destacar: o movimento feito com o melhor pincel de barbear confere, ainda, uma leve esfoliação, atuando ativamente na renovação celular e, assim, trazendo mais saúde à pele.

O que considerar na escolha do pincel de barba?

Assim como você faz uma extensa pesquisa a respeito do sabão de barbear, lâmina e a sua safety razor, o melhor pincel de barbear também exige um pouco da sua atenção para que a escolha seja a mais assertiva possível.

E, a seguir, vamos apontar alguns dos principais aspectos a serem considerados antes de adquirir o melhor pincel de barbear. Confira:

  • o material das cerdas importa, e muito, na maneira de fazer e espalhar a espuma. Em geral, elas são feitas com pelos de animais — como o javali ou texugo —, mas o pincel de barba com materiais sintéticos ou de origem vegetal está cada vez mais popular, já que não faz uso de produtos de origem animal;
  • consequentemente, você pode avaliar a maciez das cerdas. É ideal que elas não sejam muito firmes, pois podem arranhar e irritar a pele, no processo, mas também não devem ser muito macias porque isso prejudica a função principal do melhor pincel de barbear;
  • considere também o volume e textura da sua barba. Isso porque as barbas cerradas podem exigir o uso de um pincel de barba com as cerdas mais curtas — facilitando a abertura dos poros. Os pelos mais longos, por sua vez, recebem com maestria as cerdas longas;
  • avalie, por fim, a base do pincel de barba. Quando anatômica, garante um manuseio mais firme e preciso. Diferente, por exemplo, dos materiais mais baratos, que deformam com o tempo e nunca garantem firmeza à sua pegada.

É importante destacar, também, que os produtos para o cuidado com a barba estão mais populares no país. Logo, convém dar uma boa pesquisada no mercado, já que mais marcas (nacionais e importadas) estão pipocando por aí.

Uma dica: avalie os grandes nomes do setor. Com isso, você consegue obter um primeiro parâmetro para escolher o melhor pincel de barbear. Em seguida, mantenha um olhar atento às tendências e novidades para que você personalize, continuamente, todo o seu ritual de barbear.

Píncel de Barba Wood Classic – Texugo Puro

Como cuidar do pincel de barba?

Principalmente, por conta do aspecto das cerdas, você tem que manter uma rotina de cuidados com o seu pincel de barba. Sem isso, o material perde as suas principais qualidades e, com o tempo, você não vai obter o mesmo efeito das primeiras aplicações.

Por isso, abaixo resgatamos uma série de cuidados para você conservar por muito tempo a qualidade e eficácia do seu pincel de barba. São eles:

  • lave o pincel de barba antes de usá-lo pela primeira vez. Para isso, opte pelo sabão neutro e água morna;
  • água morna — e também um jato de água fria — são recomendados para lavar o pincel após o uso. Durante o barbear, a água morna ajuda na esfoliação da pele, enquanto a temperatura baixa, posteriormente, garante a firmeza das cerdas;
  • seque-o por completo, após lavar. Guardá-lo ainda úmido pode danificar as cerdas, com o tempo. Para que o processo seja feito com qualidade, deixe o pincel de cabeça para baixo. Assim, não fica água acumulada no pincel de barba.

Tenha em mente que a durabilidade do melhor pincel de barbear varia — de modelo e também dos cuidados que você toma com ele —, mas a vida útil gira em torno de 6 a 12 meses quando a periodicidade de uso chega a 3 vezes na semana.

Quando trocar o pincel de barba?

Por fim, tenha em perspectiva que o pincel de barba deve ser substituído — independentemente do tempo que você o tenha — quando as suas cerdas começarem a se abrir. Quando isso acontece, a elaboração de espuma é dificultada, bem como o resultado esperado.

Escolha o melhor pincel de barbear

E aí, ficou com alguma dúvida a respeito da escolha do seu pincel de barba? É só compartilhá-las conosco, no campo de comentários!

Deixe uma resposta